A Holologia

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

Apenas através da via experencial, sintética, intuicional, de mergulho na essência, ou utilizando uma metáfora, apenas com a atuação ativa do hemisfério cerebral direito, da musicalidade, captação de padrões, da percepção direta e imediata, da mística, jamais nos capacitaremos à visão holística.  Apesar de indispensável, é insuficiente. A este caminho vivencial, destinado ao Ser, denominamos HOLOPRÁXIS. É necessário o complemento de outra parte para o desvelar do Ser.

 

Em outras palavras, é imprescindível despertar o hemisfério cerebral esquerdo, da análise e do conhecimento racional, da lógica e abstração. Essa via intelectual e experimental, destinada ao saber, na Universidade Holística é denominada HOLOLOGIA.

Complementando a vivência da holopráxis, é de valor inestimável a leitura meditativa dos livros das Escrituras Sapienciais, como: Antigo e Novo Testamentos, os textos dos Rabinos, o Tao-Te-King, Dhammapada, Attaka, Bhagavad Gita, o Ramayana, o Mahabharata, os Vedas, Upanishads, Vedanta, Tantras, o Alcorão, o Popol Vuh, os textos de Patanjali, os do Jainismo, do Guru Nanak, dos místicos Sufis, Chuang-Tzu, os textos oraculares do l Ching, o Tarot, as Runas, os de Hermes Trimegistus, os de Heráclito, os Analectos, entre outros.

Categoria: UNIPAZ-CE

Ítens Relacionados

Temos 96 visitantes e Nenhum membro online

Informações do Portal

Visitantes
819
Artigos
1368
Weblinks
27
Ver quantos acessos teve os artigos
9875401