Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

 

Por Cláudio Azevedo

Extraído de Azevedo, Cláudio; A Caminho no Ser: Uma Visão Transpessoal

da Psicologia no Yoga S?tra de Pat?ñjal?, Editora Órion, Fortaleza, 2.007

Para melhor visualização faça o download das fontes usadas no site: tahoma, tahoma bold, sanskrit98, sanskrit2003

Ny?ya (?????)

O Ny?ya dar?ana foi dado pelo sábio Ak?ap?da Gautama Mahar?i e, por isso, também é chamado de Gautama ??stra. Ele contém a base para os demais cinco dar?anas. Ny?ya (penetrar, compreender) utiliza bastante a investigação analítica como instrumento lógico para alcançar o Absoluto, discorrendo sobre os diferentes processos mentais usados para se chegar a conclusões, em um debate filosófico.

A Caminho no SerEsses processos são de 16 tipos: meios válidos de conhecimento (pram??a?), objetos válidos de conhecimento (prameya), dúvida (sa??aya), intenção (prayojana), exemplo (?????nta), conclusão (siddh?nta), silogismo (avyay?), argumentação (tarka), averiguação (nir?aya), debate (v?da), controvérsia (jalpa), crítica destrutiva (vita?d?), fraude (hetv?bh?sa), esquiva (chala), contradição (j?ti) e apontar os defeitos do oponente (nigrahasth?na). 

Esse dar?ana afirma que a única forma de se obter a libertação do sofrimento seria através do conhecimento correto (pram??a?), e a sua distinção do conhecimento incorreto (viparyaya) poderia ser obtida através de meios lógicos de análise da realidade. Assim, para todas as questões, até em relação à Divindade, existem medidas que podem ser utilizadas para se provar a veracidade das coisas. Além de assumir pratyak?a e anum?na como fontes válidas (pram??a?), como na escola Vai?e??ka, acrescenta upam?na e ?abda:

  1. Pratyak?a pram??a? – ela é chamada percepção direta porque é percebida pelos órgãos dos sentidos; estes são instrumentos nos quais a mente penetra para ajudá-los a funcionar. Porém, devido a algumas limitações dos sentidos, como doenças e defeitos, as provas obtidas por esse método não são consistentes.
  2. Anum?na pram??a? – é a prova baseada na dedução ou inferência. Uma pessoa vê sifões para esvaziar barris à distância. Conclui então que lá deve haver água. Similarmente uma pessoa conclui que existe fogo quando vê fumaça. Dessa forma, mediante as características naturais o indivíduo pode compreender e decifrar a forma real.
  3. Upam?na pram??a? – esse tipo de prova baseia-se na analogia e comparação e nos permite compreender muitas coisas que não poderiam ser facilmente entendidas de outro modo. Dessa forma, ao estudar a realidade aparente e a realidade empírica, o indivíduo pode tirar conclusões sobre a realidade transcendental.
  4. ?abda pram??a? – muitos afirmam que essa prova inclui as afirmações provindas de um sábio ou pessoa de confiança, mas esta é a prova obtida com base no som do silêncio que a nossa consciência pode perceber quando atinge um estado ampliado além dos sentidos e da mente. Segundo Satya Sai Baba (A Essência dos ?ad-dar?anas: discurso proferido em 27 de maio de 1993), quando se atinge esse estágio de equanimidade mental, o som da Verdade se expressa através de oito formas: o som divino propriamente dito, a onipresença, a natureza transcendental, a fala, a bem-aventurança, a refulgência, a ilusão e a prosperidade.

É uma escola teísta, em que Deus é tão somente uma alma individual, onisciente, onipotente e eterna e a liberação da alma depende do desapego ascético. Demonstra que a alma é distinta do corpo, a teoria da reencarnação, que a matéria é constituída de átomos, etc., de uma forma similar ao Vai?e??ka, só que menos completo. Essa escola é muito apreciada por filósofos budistas, sendo considerada a única forma válida de investigação filosófica para o budismo tibetano.

 

Categoria: A Caminho no Ser

Temos 87 visitantes e Nenhum membro online

Informações do Portal

Visitantes
819
Artigos
1368
Weblinks
27
Ver quantos acessos teve os artigos
9885446