Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

 

Por Cláudio Azevedo

Extraído de Azevedo, Cláudio; A Caminho no Ser: Uma Visão Transpessoal

da Psicologia no Yoga S?tra de Pat?ñjal?, Editora Órion, Fortaleza, 2.007

 

Para melhor visualização faça o download das fontes usadas no site: tahoma, tahoma bold, sanskrit98, sanskrit2003


Os Br?hma??s e os ?ra?yakas

         Por volta do ano 1.000 a.C. iniciou-se a longa literatura de comentários aos Sa?hit?s (ou aos quatro Vedas), denominada Br?hma??s, que teve vários ciclos, perdurando até cerca do ano 750 a.C.. Os Br?hma??s são um apêndice, escrito em prosa, aos hinos vêdicos e esclarecem os costumes, ritos e fórmulas contidas nos Vedas no contexto social das cidades e das famílias. Usando mitos e discursando sobre o que é Brahma?, dão um vislumbre dos costumes sociais da época.
A Caminho no Ser

 

Essa segunda fase do hinduísmo é conhecida como bramanismo, termo que se formou a partir do termo brahma: sacerdote que oficia um ritual a Brahma?. Como religião, o bramanismo é ritualista, isto é, as cerimônias têm eficácia por si mesmas, independentemente da crença, e a compreensão brâmane da realidade é panteísta, com a participação de deuses secundários e espíritos humanos em repetidas metempsicoses. Oração e penitência possibilitariam um maior conhecimento e perfeição do espírito (ou ?tman).

Etimologicamente, Brahma? deriva do radical sânscrito 'brh', que significa ser grande e capaz de criar, expandir, crescer. Conseqüentemente, Brahma? é o Criador (literalmente ‘grande expansão’). Brahma? seria o princípio mais geral da Realidade Absoluta, tendo por isso um caráter Indeterminado e Incompreensível, mas passível de determinação nas mais variadas formas de realidades relativas. Assim, embora tenha se conservado inalterado enquanto conceito filosófico, assumiu uma forma personificada como Brahm?: a primeira e principal pessoa da trindade hindu (a Trim?rti), complementada com Vi??u e Rudra (ou Mahe?a). Tradicionalmente, a Trindade hindu é designada como composta por Brahm?, Vi??u  e ?iva, mas como fazemos referências constantes à obra "?iva S?tra", que considera ?iva como análogo a Brahma?, substituímos aqui ?iva por Rudra.

Posteriormente, pequenos textos, chamados ?ra?yakas (tratados do arvoredo) por terem sido compostos para os ascetas que viviam nas selvas (?ra?ya) com seus estudantes, tiveram uma função complementar aos Br?hma??s por conter algum aprofundamento religioso-filosófico, e, por isso, têm o caráter de apêndice a estes. O conceito de Brahma?, como o Ser Supremo, ligado ao de ?tman (espírito), que etimologicamente significa respiração e significa o Eu interno do ser humano desejando ser imortal (ou perceber a sua imortalidade), foi primeiro especulado nos ?ra?yakas.

 

 

Categoria: A Caminho no Ser

Ítens Relacionados

Temos 36 visitantes e Nenhum membro online

Informações do Portal

Visitantes
819
Artigos
1368
Weblinks
27
Ver quantos acessos teve os artigos
9877814