O Ilusório e o Real (Deus) - A Visão Islâmica

VISÃO ISLÂMICA

Diz o Corão:

“O Criador dos céus e da Terra! De vós próprios tirou vossas esposas para que vos multiplicásseis. As rezes também, Ele as fez machos e fêmeas. Ninguém pode ser comparado a Deus. Ele ouve tudo e vê tudo” (42:11). “Deus! Não há deus senão Ele, o Sempre-Vivo, o Eterno. Nunca dorme e nunca cochila. A Ele pertence tudo o que está nos céus e tudo o que está na Terra. Ninguém pode interceder junto a Ele senão com Sua permissão. Conhece o passado dos homens e seu futuro. E de Seu saber, eles só alcançam o que Ele permitir. Seu trono abrange os céus e a Terra, e Ele os mantém sem esforço algum. Ele é o Altíssimo, o Glorioso” (2:255). ...“Deus perdoa todos os pecados. Ele é compassivo e misericordioso” (39:53). “Deus não perdoa a quem Lhe atribui semelhantes e perdoa as faltas menores a quem quiser. Quem atribui semelhantes a Deus comete enorme delito” (4:48).

“Ante Deus, prostram-se, de bom grado ou de mal grado, todos os que estão nos céus e na Terra. Mesmo suas sombras prostram-se pela manhã e ao entardecer” (13:15). “Glorificam-No os sete céus e a Terra e todos os que estão neles. Nada existe que não Lhe dirija louvores. Mas vós não compreendeis esses louvores. E Ele é perdoador e compassivo” (17:44). “Glorificam Deus todos os habitantes dos céus e da Terra. Seu é o reino. A Ele é devido o louvor. E Ele tem poder sobre tudo” (64:01).

Deus não é apenas o Deus dos árabes ou de qualquer outra tribo; é o Vigilante e Sustentador de todo o Universo. O Islamismo ensina a pura e simples Unicidade de Deus. Ele apresenta uma concepção de Deus que está liberta de fantasias antropomórficas ou mitológicas. Afirma a Unicidade de Deus e diz que Ele não tem parceiros em Sua Deidade. Ele é só um Ser e só uma Essência – os dois sendo inseparáveis e indistintos. É Auto-suficiente, de quem tudo depende, e que não depende de ninguém. O Criador, o Provedor de tudo, o Beatíssimo, o Todo-Poderoso, o Onisciente, o Amantíssimo, o Misericordioso, o Eterno e o Infinito. Ele não se gerou nem foi gerado e nada pode se originar d’Ele e tornar-se Seu igual na Deidade. Deus é a presença divina que a todo o momento recria o mundo.

Já os drusos ensinam: “Deus não tem qualquer atributo que nós possamos conceber. Ele é aquele que não se nomeia, que não se vê nem se ouve, sobre a natureza do qual a religião proíbe que se façam perguntas, porque o criado não pode conceber seu Criador. Ele não é nem grande, nem bom, nem justo, nem indulgente, nem inteligente, porque essas qualidades humanas, e criadas por Deus, não podem ser qualidades do próprio Deus”.

 

Categoria: Órion Volume 1

Temos 34 visitantes e Nenhum membro online

Informações do Portal

Visitantes
819
Artigos
1368
Weblinks
27
Ver quantos acessos teve os artigos
11460190