Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

EAD - ÓrionDepois de criar o novo visual do Portal Órion (já com 5 meses de idade) e da Editora Órion a Órion Digital inaugura mais uma atividade na WEB: o seu Portal de Ensino à Distância (http://www.iccfh.net.br/moodle). Venha hospedar o seu próprio curso à distância, alugando espaços em nosso EAD - Órion.

Agora já são sete sites criados e gerenciados pela Órion Digital:

  1. Portal Órion: http://www.orion.med.br/portal
  2. Editora Órion: http://www.editoraorion.com.br
  3. Fortaleza em Paz: http://www.fortalezaempaz.org
  4. Instituto de Ciência, Cultura e Filosofia Hindu: http://www.iccfh.net.br
  5. Instituto Indiano de Yoga Vivekananda: http://www.institutovivekananda.com.br
  6. Portal de Ensino à Distância: http://www.iccfh.net.br/moodle
  7. Blog no Jornal O POVO: http://blog.opovo.com.br/yoga/

Sobre o Joomla 1.5

O Joomla ajuda a resolver um problema muito comum, que é o custo de se criar e manter um web site ou web portal razoavelmente complexo, repleto de recursos e conteúdo e que tem que ser mantido por várias pessoas com pouco ou nenhum conhecimento técnico. A forma tradicional de se produzir um website ou web portal é a de se utilizar uma equipe de designers e programadores para construir o site e publicar o conteúdo. Os autores e editores de conteúdo ficam na dependência do pessoal técnico para conseguir publicar seu material no dia a dia. Acrescentar novos recursos envolve bastante tempo e dinheiro. O Joomla e outros CMS foram criados para ajudar a aliviar este problema.

CMS é um acrônimo para Content Management System ou Sistema Gerenciador de Conteúdo. Atualmente o emprego mais popular desta sigla se refere especificamente ao gerenciamento de conteúdo web. Um CMS serve para ajudar você a criar um web site ou um web portal de forma rápida e eficiente. Até mais importante, serve para ajudar a publicar e administrar conteúdo web mais facilmente, inclusive por pessoas não técnicas - tudo isso à partir de uma “base” já pronta.

Uma grande parte das funções necessárias para fazer funcionar um website/portal são comuns e previsíveis, tais como login de usuários, criação, edição e publicação de conteúdo, publicação de banners de propaganda, etc. Num CMS esses recursos já estão pré-programados e prontos para ser utilizados. Além disso, o CMS é extensível, através da instalação de módulos e componentes que servem para agregar funcionalidades eventualmente não presentes na instalação básica (por exemplo, uma galeria de imagens ou fórum de discussão). Muitos desses recursos estão disponíveis como componentes para download comercial ou gratuito na internet. Caso o usuário precise de uma funcionalidade e não encontre nenhum componente disponível na internet, ele mesmo pode programar ou contratar alguém para fazer isso, podendo tornar o componente disponível para outros usuários comercialmente ou através de licença GNU/GPL . Como usuário ou desenvolvedor, ele irá passar a integrar a comunidade Joomla.

Então um CMS é um modelo de website já pronto?”
Podemos dizer que um CMS é um framework, “um esqueleto” de website/portal pré-programado, com recursos básicos e de manutenção e administração já prontamente disponíveis. É algo muito mais sofisticado do que um “modelo de website”, pois é um sistema que permite a criação, armazenamento e administração de conteúdo web de forma dinâmica, através de uma interface de usuário via web, não um mero conjunto de páginas HTML estáticas. Obviamente a aparência de um website criado com um CMS é customizável, através da utilização de templates (estes sim “modelos visuais” de website), que podem ser facilmente substituídos.

Como não poderia deixar de ser, a utilização de um CMS apresenta algumas desvantagens. Como em todo framework, trabalhar com um “modelo” pré-concebido implica em aceitar algumas características, restrições ou limitações desse “modelo”. Por exemplo, o CMS Joomla foi escrito em PHP e utiliza o banco de dados MySql, fatos que podem ser problema para alguns usuários (Observação: suporte a outros bancos de dados populares está a caminho em versões futuras do Joomla). A aparência do site, apesar da relativa facilidade da customização, também fica de certa forma limitada pelo sistema de templates do CMS. O mesmo pode ser dito com relação a fatores como usabilidade e acessibilidade.

Por outro lado, os ganhos em produtividade e custo são enormes e, para uma grande parte dos casos, tornam essas limitações preocupações secundárias. A maioria dos CMS populares estão disponíveis na forma de software livre o que praticamente elimina os custos com licença de uso e garantem o acesso ao código-fonte. A presença de comunidades online crescendo em volta desses sistemas faz com que a mão de obra disponível torne-se cada vez mais abundante.

Sobre o Moodle

A palavra Moodle teve origem no acrónimo: Modular Object-Oriented Dynamic Learning Environment, que é informativo especialmente para programadores e investigadores educativos. Em inglês é também um verbo que descreve passar por algo, sem presa, e fazer coisas quando as resolver fazer; uma forma agradável de mexer nas coisas que freequentemente conduz a uma comprensão mais profunda e à criatividade. Como tal aplica-se tanto à maneira em que o Moodle foi desenvolvido, e à maneira em que o estudante ou professor pode abordar a aprendizagem o ensino de uma disciplina na Web. Todo aquel que use o Moodle designa-se por Moodler.

O Moodle é um pacote de software para a produção de sítios Web e disciplinas na Internet. É um projeto em desenvolvimento desenhado para dar suporte a uma abordagem social construcionista do ensino.

O Moodle distribui-se livremente porque é um software Open Source (sob os termos da Licença Pública GNU). Basicamente significa que o Moodle tem direitos de autor, mas oferece-lhe algumas liberdades adicionais. Pode modificar, usar e copiar o Moodle, desde que aceite sempre: Facultar o codigo fonte aos outros; não modificar nem eliminar a licença e copyrights originais, e aplicar esta mesma licença a qualquer software derivado do mesmo. Consulte a licença para mais detalhes, e se tiver alguma dúvida contacte o titular dos direitos de autor .

O Moodle pode ser instalado em qualquer computador, desde que tenha PHP e suporte bases de dados SQL (por exemplo, MySQL). Pode trabalhar em Windows e Mac e em muitas variantes do Linux (por exemplo, Red Hat ou Debian GNU). Existem muitos Parceiros Moodle experientes que podem prestar-lhe assistência técnica e até alojar o seu sítio Moodle.

 

Categoria: Em Fortaleza