Práticas

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

 

Colégio Internacional dos Terapeutas

 

 

1. Anamnese do Ser no corpo que também somos

 

A importância do corpo físico, como espaço para a encarnação e manifestação do Ser (percepção do centro vital e exercícios para favorecer a "transparência").

 

2. Anamnese do Ser no Sopro que também somos

  • A importância da respiração, a atenção ao Sopro que habita em cada um, e os seus possíveis entraves

  • Prática da compaixão e consciência do Sopro:

    • Inspiração: eu acolho - eu aceito (a Água suja: sofrimentos, medos, sujeiras, angústias)

    • Expiração: eu dou - eu abandono (a Água suja: sofrimentos, medos, sujeiras, angústias)

    • Inspiração: eu acolho - eu aceito (a Água viva: luz, paz, amor...)

    • Expiração: eu dou - eu abandono (a Água viva: luz, paz, amor...)

3. Anamnese da Paz essencial que também somos

 

Introdução ao Sopro da palavra hebraica "Shalom" (a Paz), lembrando que a essência do Ser é a Paz. Permanecer neste "Shalom" não nos livra da análise nem da travessia das sombras, mas convida-nos, além das turbulentas e dolorosas memórias do ego, a uma fundamentação mais profunda de nós mesmos, sem a qual não pretenderíamos ser Terapeutas.

 

4. Anamnese do Ser que também somos

 

Introdução progressiva ao YHWH - no corpo - o sopro - o terapeuta que nós somos.

Deixar ser "Aquele que É": permanecer no Aberto.

 

 

Categoria: CIT-CE