Avaliação do Usuário

Vejo Pat Condell como um homem brilhante e corajoso. Concordar com ele ou não, é uma outra questão. Acho bastante estimulante o debate sobre a fé que ele nos promove. Pat nos leva às últimas conseqüências do Ateísmo, que ele prega com competência. Apresento o último vídeo dele:

http://www.youtube.com/watch?v=V_Htx4TNQAo&playnext_from=TL&videos=Zvd-6WRcuw8&feature=sub

Avaliação do Usuário
 

"Senhor, não sei o que devo pedir-te. Só Tu conheces aquilo de que preciso. Amas-me mais do que sei amar-me. Pai, dá a teu filho o que ele mesmo não sabe pedir. Bate ou cura, abaixa-me ou ergue-me; adoro todos os teus propósitos sem conhecê-los. Estou em silêncio; ofereço-me para o sacrifício; entrego-me a Ti; não quero ter outro desejo senão o de fazer a tua vontade. Ensina-me a rezar. Reza Tu-Mesmo em mim."

Escrita por Fénelon (1651-1715), teólogo francês [em: A Filosofia Perene, de Aldous Huxley. São Paulo: Cultrix, (1944), p. 243].

 

 

Avaliação do Usuário

Introdução

O Taoísmo se baseia no sistema politeísta e filosófico de crenças que assimilam os antigos elementos místicos e enigmáticos da religião popular chinesa, como: culto aos ancestrais, rituais de exorcismo, alquimia e magia.

A origem da filosofia do Taoísmo é atribuída aos ensinamentos do mestre chinês Erh Li ou Lao Tsé (velho mestre), um contemporâneo de Confuncio, nos anos 550 a.C., segundo o Shih-chi (Relatos dos Historiadores). Apesar de não ser uma religião mundialmente popular, seus ensinos têm influenciado muitas seitas modernas.

Fundação do Taoísmo

Como no Budismo, muitos fatos da vida de Lao Tsé são lendas. Uma delas é a questão dele já haver nascido velho. Supostamente, ele nasceu no sul da China em volta do ano 604 a.C. Ele tinha uma importante posição no governo, como superintendente judicial dos arquivos imperiais em Loyang, capital do estado de Ch’u.

Por desaprovar a tirania dos regentes de seu governo, Lao Tsé veio a crer e ensinar que os homens deveriam viver uma vida simples, sem honrarias ou conhecimento. Sendo assim, ele renunciou o seu cargo e foi para casa.

Para evitar a curiosidade de muitos, Lao Tsé comprou um boi e uma carroça, e partiu para a fronteira da província, deixando aquela sociedade corrompida para trás. Ao chegar lá, o policial, um de seus amigos, Yin-hsi, o reconheceu e não o deixou passar. Ele advertiu Lao Tsé que deveria escrever seus ensinamentos, e só assim poderia cruzar a fronteira na região do Tibete.

Leia mais...

Avaliação do Usuário
O terrorismo é tema pobre de análises dentro e fora da mídia, mas muito forte na mente das pessoas e alguns aspectos passam despercebidos do público. A origem de todas essas guerras ditas santas é encontrada nos livros ditos sagrados, pois mesmo sendo todos inconclusivos, sugerem que a humanidade não tem saída, ou seja, haverá um juízo final em que somente uma fração mínima escapará , isto se seguir piamente tudo que estiver prescrito nos livros ditos santos sem escorregar um só milímetro.

Acusam equivocadamente os muçulmanos de serem terroristas natos e sujeitos extremamente perigosos, mas não é verdade, pois o povo muçulmano divide-se em dois grupos: xiitas e sunitas; aquele é extremista e vivem quase todos no Oriente Médio e nem todos são terroristas. Os sunitas são os moderados e fiéis seguidores de sua fé prescrita no Alcorão; e não é razoável acreditar que estes estejam ligados a atos terroristas. Em qualquer religião há extremistas, que antigamente eram denominados de maniqueístas; e hoje, de fundamentalistas. Os xiitas terroristas, na verdade, são doentes mentais que escolheram alguma religião para se abrigar, mas que ideologia ou objetivo algum possui. Regra geral, o suicida deseja explodir o mundo, mas como não consegue matar todos, mata-se levando o quanto pode. A religião tem favorecido o fanatismo e a disputas; e a hipóteses que jamai s serão comprovadas, visto que são ilusões as promessas.

A questão da guerra pela suposta terra prometida, anunciada na Bíblia, não passa de mais um equivoco distorcido nas múltiplas traduções e nas interpretações dos exegetas. A história é absurda e diz no livro Gênesis, do Antigo Testamento, que Jacó teria lutado com Deus e vencido a batalha; e o Criador teria mudado o seu nome de Jacó para Israel, dai a origem do nome que hoje seria a terra denominada em outrora de Canaã.

Leia mais...

Mais artigos...

  1. Gaia: Alerta Final
  2. Opção nuclear: opção econômica, ambiental e social
  3. A sociedade Mundial da Cegueira
  4. O FRACASSO DO FILME DE LULA
  5. SUSTENTABILIDADE GERA EMPREGO VERDE