Artigos por Autor/Categoria

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

Universo em DesencantoAgradeço ao Universo por não ter paciência para aprofundar-me em toda essa estória de ascensão ou grande salto tão anunciado (ao menos na forma como é anunciado), mas isso seria, com todo o respeito, pura perda de tempo. Por que me dedicaria a isso se a única certeza que temos é a de que estamos no aqui e agora!!???

O próprio Jesus, o espírito mais evoluído que já encarnou neste planeta, afirmou com todas as letras que nem ele sabia dia e hora... Por que nos preocuparmos com datas enquanto esquecemos de vivenciar seus ensinamentos? Por que darmos tanto ouvido a tantos “canalizadores” e não escutarmos uma mensagem tão clara deixada pelo Grande Mestre: “Eu Sou o Caminho, a Verdade e a Vida; ninguém vai ao Pai senão por mim!”

Obviamente Ele não se referiu a ir ao Pai através de sua pessoa, mas através de sua mensagem. E que recado ele nos deu durante os 33 anos que permaneceu entre nós?

“Amai-vos uns aos outros, como eu vos amei”. Simples assim.

Simples!!????

É tão desafiante amarmos, mais ainda como Ele nos amou, que preferimos dar ouvidos às milhares de especulações referentes às datas do “final dos tempos”, ou melhor, datas do início de uma nova era... Mas isso sempre fez parte de nossas histórias, não é mesmo? Vivemos fugindo do foco e ficamos a dar voltas, enganando-nos com tudo o que não é essencial.

O Arcanjo Miguel disse isso através do canal “fulano de tal”; Kryon disse aquilo através do canal “sicrano”; Mãe Maria disse isso através do canal “fulana”; Mãe Diná disse mais que os citados anteriormente... e por aí vai. E por aí vamos nós também, caindo feito patinhos no rio Tietê.

Meus amigos, nosso SER é conhecedor de todas as datas... ou não habita em nós a divindade? Será que Wood Allen precisará também dirigir um filme intitulado “Todos Dizem Namastê”? Sim, porque o que mais se usa em nossos dias é cumprimentarmos nossos irmãos com “A divindade que habita em mim saúda a divindade que habita em ti”...

Meus irmãos e irmãs, reflitamos sobre todas essas mensagens que vemos disseminadas pela internet e em nossas caixas de correio eletrônico. Estejamos atentos às energias que nos rodeiam e às que estão dentro de nós e às que emitimos. Não vamos potencializar ainda mais os eventos catastróficos divulgados a cada instante, desperdiçando, assim, nossa energia. Lembremos que a Mãe Terra não precisa de nós; somos nós que nela habitamos. Enviemos muita energia aos seres humanos; somos nós que precisamos mudar, não o nosso planeta, meus queridos.

Abraços de AMOR e LUZ.

Namastê.

Temos 48 visitantes e Nenhum membro online

Informações do Portal

Visitantes
819
Artigos
1368
Weblinks
27
Ver quantos acessos teve os artigos
9686612